RG: o melhor amigo da criança viajante

RG: o melhor amigo da criança viajante

22 abr 13
RG: o melhor amigo da criança viajante

Queremos sugerir uma boa prática que pode evitar problemas para os pais viajantes, seja dentro do Brasil ou para sair daqui.

Aconteceu há poucos dias. Amigos embarcaram em um vôo doméstico para depois pegar um internacional em Guarulhos. Levaram somente os passaportes e tiveram problemas para embarcar no primeiro voo. Aconteceu também comigo. Há alguns anos, esqueci o documento da filhota e se não fosse por uma carteirinha do plano de saúde não teríamos nos hospedado em um hotel.

Nossa sugestão é simples: faça o RG da criança o quanto antes e leve sempre o documento quando for viajar.

Não há idade mínima para emissão de RG. Um bebê com 1 mês de vida pode ter este documento! A primeira emissão de RG é gratuita e acompanhado do seu filho de colo você tem prioridade de atendimento na fila.

A partir desta sugestão você pode ter alguns questionamentos e como a ideia aqui é “convencer” você a fazer o RG, aqui estão algumas vantagens do seu filho ter um:

Não pode mais viajar com a certidão de nascimento dentro do Brasil?

Quando fizemos as primeiras viagens nacionais com a nossa primogênita utilizamos a Certidão de Nascimento original. Logo percebemos que seria mais prático e seguro ter um documento de identificação com foto e optamos por emitir o RG. Poder, pode, mas sugiro que seu filho viajante tenha um RG e você use a Certidão em caso de necessidade específica.

E viajar com cópia do documento?

Em alguns sites (veja abaixo) está escrito que uma cópia da Certidão de Nascimento autenticada é válida. Sugerimos que você sempre viaje com documentos originais, ainda que opte por viajar com a certidão de nascimento. Uma opção para quem não quer fazer o RG é consultar os cartórios locais para emissão de certidão de nascimento em formato de documento.

O que é exigido em hotéis no Brasil?

No Estatuto da Criança e do Adolescente está escrito que é proibido a hospedagem de criança em hotel sem autorização ou acompanhamento dos pais. No check-in é obrigatório apresentar o documento de identidade (RG da criança ou certidão de nascimento) que comprovem a filiação. Um documento com foto não deixa de ser uma segurança a mais para a criança.

E para os vôos domésticos?

A regra geral para todos os passageiros é a apresentação de um documento com foto. Geralmente os adultos apresentam o RG ou a carteira de motorista. Para o menor acompanhado é exigido um documento que comprove a filiação (RG ou Certidão) ou que comprove o grau de parentesco de quem está acompanhando as crianças e que podem ser parentes até 3º grau (irmãos, tios, avós e bisavós).  Neste caso específico, o RG tem uma limitação, pois não mostra o nome dos avós e a certidão parece ser mais adequada.

Preciso de outro documento além do passaporte para viagem internacional?

Não, já que a partir de junho de 2015 os passaportes voltaram a indicar a filiação. Se seu filho tem um modelo antigo de passaporte, leve o RG da criança junto para comprovar a filiação. 

Preciso do RG fora do Brasil? Qual seria a utilidade?

Aqui cabe uma dica pessoal. Nós sempre deixamos os passaportes trancados no hotel quando estamos fora do Brasil e carregamos o RG de todos da família, caso alguma forma de identificação seja necessária. Claro que ele não serve para fazer câmbio e outros procedimentos “oficiais”, quando o passaporte deve ser apresentado.

E para viajar para os países “hermanos”?

Você deixou o passaporte vencer e surgiu uma oportunidade de viajar para o Chile, Uruguay ou Argentina? Esses países somente exigem um RG em boas condições e com menos de 10 anos de emissão. Você precisa estar parecido com a foto do documento. Esta é outra vantagem de todos os familiares estarem com o RG emitido.

Atenção: Apesar de Chile, Colômbia, Equador, Peru e Venezuela também aceitarem o RG como documento de viagem desde 2008, há casos relatados de agentes da imigração que não aceitaram o documento por ser muito antigo ou por não reconhecer a pessoa na foto. Vá com o seu passaporte!

RG vence? As crianças mudam a fisionomia tão rápido!

Pelo que levantei, há uma lei recente que estabelece o prazo de 20 anos de validade para maiores de 18 anos e 10 anos de validade para menores de 18 anos. Pelo fato das crianças mudarem muito de ano para ano, imagino que seja uma boa prática trocar a cada 5 anos. É o que faremos com o RG da nossa filha que vai ganhar um RG novo com a assinatura dela. (Ela está treinando a assinatura todo dia e achando o máximo ter um “documento assinado”!)

Meu filho é um bebê. Como faço?

Sem problemas, o RG pode ser emitido. A foto geralmente é feita no próprio local de emissão do documento e os atendentes da maior parte dos lugares estão habituados a emitir o RG de menores. Como geralmente os bebês somente circulam em lugares de aglomeração após 1 mês de idade, parece ser sensato esperar este tempo para ir com ele nos Institutos de Identificação.

E para os casos de menores desacompanhados dos pais?

Há muitas regras para este tipo de viagem e alguns sites oferecem orientações específicas para cada tipo, seja com um dos pais, com outros adultos ou até desacompanhado.

Veja abaixo alguns sites onde você pode buscar informação específica para seu caso:

1) Polícia Federal 

2) Conselho Nacional de Justiça

3) TAM (há uma tabela bem detalhada por faixa etária)

E para fechar este post, se sua prole está sempre com o pé na estrada, a sugestão é:

Faça o RG do seu filho e viaje sempre com ele, dentro ou fora do Brasil. Isto evitará transtornos e será uma segurança a mais para a família.

 

32 comments

  1. Fabiola

    Eu tirei o RG do meu filho com 1 ano e 5 meses e só tem duração de 1 ano justamente por causa da mudança de fisionomia. Mas acho super importante e bem mais prático sim nas viagens!

    • Adriana Pasello

      oi Fabiola!
      Fiquei interessada na informação sobre o documento vencer em 1 ano. Em que estado o RG foi emitido? Hà um campo no RG onde consta um vencimento? Abs

  2. Fabiola

    oi!! Sim, vem um carimbo no próprio RG dizendo que tem validade de 1 ano por causa de “deficiências impressões digitais”. Eu achei que era por causa da fisionomia, mas não, é por causa das impressões. E ouvi falar que crianças até maiores às vezes também precisam mudar caso as digitais não saiam bem. Estou em Recife, Pernambuco. Bjs!

  3. Denise

    Acho super válido tirar o RG dos filhos, mas acho muito ridículo o passaporte não conter mais essas informações escritas no documento. Esse tipo de informação não deveria constar somente no computador, e sim no documento poxa, facilitaria a vida de muita gente!

    • Adriana Pasello

      De fato Denise, se a informação estivesse no passaporte evitaria uma montanha de problemas!

  4. Caramba! Tinha muita regra aqui que eu não conhecia. Como o RG é importante para a criança. E surpreende o passaporte não ser suficiente. Que eu saiba, pelas leis do Brasil o passaporte deve ser considerado como documento oficial de identidade. Muito útil esse post.

    • Adriana Pasello

      Pois é, a tal “modernidade” do novo passaporte causou um pouco de problema na comprovação da filiação da criança. O RG facilita muito neste sentido!

  5. Olá querida!!!
    Tbém transformamos em post as informações que descobrimos sobre documentação pra viajar com crianças e adoramos as tuas dicas.

    E me diga, vc leva a certidão de nascimento original, mesmo tendo passaporte e RG?

    A gente aqui tem uma tendência a “exagerar” (nome genérico para precauções) em algumas coisas, tipo: fazer cópias autenticadas dos documentos em deixar uma com a família e levar a outra… mas não tinha me preocupado em levar a certidão de nascimento original, já que teremos RG e Passaporte.

    bjokas

    • Adriana Pasello

      Olá 3 vidas viajantes! rs
      Viajo somente com RG original no Brasil e quando vou para o exterior RG original e passaporte. Depois que incorporei esta prática, deixei de usar a certidão.
      Mesmo quando viajamos para Argentina ou Chile usamos os passaportes. Deixamos os mesmos no hotel e circulamos com RG dos 4 na mochila.
      E também temos estes “exageros” aqui em casa, deixamos cópias de documentos com familiares. Sei que tem gente que também fotografa os documentos e deixa no email. É uma boa prática também!
      Bjks

  6. Giselle Bruno

    Por muito pouco não tive problemas na nossa vizinha Argentina quando meu filho tinha 4 meses. Acostumados a atravessar a fonteira periodicamente, enquanto eramos só o casal, fomos, tranquilamente, com nosso bebe. Na Aduana apresentamos nossas identidades e quando já estávamos arrancando, comentei com o agente sobre o bebê ( que ele não tinha visto no carro).Ele pediu a identidade e eu disse que ele não tinha. O agente nos orientou a voltar e disse que por pouco, não tivemos que deixar o bebê na Argentina, pois se entrássemos sem o documento, eles não iriam deixar o bebê sair. Resultado: na volta providenciamos imediatamente o documento, que o Pedro Antonio tem desde o 6 meses e a Helena desde os 2 meses.

    • Adriana Pasello

      oi Giza! Sou defensora do RG desde bebê. E que coisa esse agente nem perceber que havia mais gente no carro! E se o bebê não fosse seu?!

  7. Júlio

    Só tire ou use RG ou passaporte se for obrigatório. Caso contrário, você está complicando sua vida sem necessidade.

    Toda criança precisa apenas de um responsável que leve a Certidão de Nascimento dela. Todo o ônus fica sobre a identificação do responsável e a palavra do mesmo, pois Certidão de Nascimento não é identificação (não tem foto!).

    O caso do passaporte (reportagem) é problema da PF. A PF é obrigada a reconhecer o passaporte de qualquer criança pois essa é a única identidade que será aceita no exterior para liberar os pais conduzirem suas crianças. Exija seu direito de embarque. O passaporte basta em qualquer lugar do mundo, inclusive dentro do Brasil.

    A mesma coisa se aplica ao voo doméstico. Exija que a empresa aceite o passaporte. Ela é obrigada por lei, norma, regulamento, etc. E ela sabe disso!

    Mas se você quiser complicar sua vida, realmente é permitido tirar RG ou CPF sem restrição de idade ou explanação de motivo.

  8. Paty Winter

    Oi, eu consigo viajar só com a certidão de nascimento ?
    Bjo

  9. Mariana

    Muito obrigada por compartilhar as informações.
    O post me foi muito útil! :)

    • Adriana Pasello

      Que bom. Agradeço sua gentileza de deixar este recadinho. É sempre um incentivo para quem escreve. Bj

  10. deise ramos

    Tenho três filhos biológicos e um com guarda definitiva oficial.
    Preciso de outro documento do meu filho não biológico para viajar aqui no brasil?
    Sou tia da criança. Sua mãe é falecida, mas o pai é vivo.

    • Adriana Pasello

      Olá Deise, você precisa comprovar o parentesco, conforme eu descrevi no item “Voos domésticos” acima. Leve a certidão de nascimento do teu sobrinho e a sua também. Através delas você tem como comprovar ser tia do menino. Observe que as regras mudam constantemente, então, sugiro que sempre que for viajar com ele de avião, verifique no site da cia aérea quais são as exigências. Boa viagem!

  11. Talita

    Já tenho uma viagem para o Chule marcada. Meu filho conseguirá entrar só com o passaporte e a certidão de nascimento? Grata!

  12. Ivanilson Ibsen

    Muito bom o site. Vocês estão de parabéns.

  13. Marluce

    To tentando compra uma passagem pra viajar com minha filha mas ela n tem rg ainda
    n to conseguindo pq pq o número do rg .
    tem como comprar com o número do registro de nascimento?

    • Adriana Pasello

      Oi Marluce, sim, vc pode viajar somente com a Certidão de Nascimento da criança. Veja aqui no site da TAM essa informação. http://goo.gl/CyZKdU

  14. Edmar de Campos Carvalhoe

    Minha mãe foi impedida de embarcar com a minha filha de 4 anos para um viajem aqui mesmo no interior,só porque estava sem a certidão de nascimento…
    Porem minha filha estava com o RG.
    Eles legaram que o RG não era um documento que pudesse comprovar o grau de parentesco, mesmo eu estando junto a autorizando a viagem!
    Queria um resposta ?
    Obrigado.

    • Adriana Pasello

      Oi Edmar, apesar do transtorno, o procedimento está correto. Leia o item “E para voos domésticos?” acima onde escrevi uma explicação detalhada sobre isso. Abs

  15. Armando Jost

    Gostaria de saber se para viagem para o Chile o RG de uma bebê de 1 ano e 10 meses é suficiente?
    Ela tem passaporte, mas como tirou com menos de 1 ano, já venceu.
    Vou para o Chile agora e tenho pesquisado, até agora não vi nada q impossibilite ela viajar apenas com o RG.
    Poderiam me confirmar isso. (No RG dela não consta validade, já tem mais de 1 ano tb o RG)

    Obrigado

  16. Oi vou viajar com meu filho numa excurssao pela CVC.
    Preciso levar o Rg dele ,so que ele Tirou com 4 anos e agora tem 10 sera que vai poder fazer a viaje

    • Oi vou viajar com meu filho numa excurssao pela CVC.
      Preciso levar o Rg dele ,so que ele Tirou com 4 anos e agora tem 10 sera que vai poder fazer a viagem.
      Obrigada

  17. Vilma

    Olá,perdi o Rg e certidão de nascimento da minha filha e carterinha de vacina também consigo viajar com ela para o interior de são Paulo com a xerox do Rgque graças a Deus tenho .

  18. Samira

    Meu filho tem 14 anos, e a identidade não vai ficar pronta, até nossa viagem nacional, ele embarca no vôo com a certidao de nascimento?

    • Adriana Pasello

      oi Samira, sugiro que consulte a cia aérea que vai utilizar para ter certeza. A informação que tenho é que ainda é permitido viagem com certidão original, desde que seja com os pais.

  19. Cesar

    Olá, Eu perdi o meu CPF, mas tenho o número em um papel, não dá tempo para eu tirar outro pois 3 de Janeiro eu vou viajar, posso levar só o RG é a Certidão de Nascimento? O Meu CPF ainda não está no RG.

  20. Anna souza

    Oi, eu quero quero ir viajar com minha filha de 3 Meses para o paraguai vai so o eu eela meu marido vai tirar uma autorização para nós ir mas ela não tem rg apenas certidão e nao dá tempo eu fazer pois demoraa de 15 a 20 dias para chegar , sera que consigo entrar so com o registro e a autorização la? Pois tem q pegar permissão naa duana paraguaia.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>